sexta-feira, 4 de abril de 2014

Hospitais psiquiátricos abandonados.

Postagem atualizada em 04 de abril de 2014.

Olá, gente boa!
Atualizando esse post confirmei como os hospitais, casas mentais, sanatórios e asilos - os quais na verdade eram hospitais psiquiátricos com outros nomes - e os próprios hospitais psiquiátricos depois de abandonados ficam impregnados das energias dos fatos ocorridos dentro deles. 
Nos primeiros momentos do tratamento psiquiátrico na história, os internados passaram por muitos tratamentos dolorosos - choques elétricos, drogas, etc. -  para o corpo e para a alma. Isso sem falar nos fantasmas, os quais rondam esses lugares nos relatos de testemunhos. Vamos lá!

Centro Psiquiátrico Creedmoor, Queens, Nova Iorque
Exclusivo para doentes mentais em uma época em que o melhor tratamento era colocá-los longe do convívio da sociedade, este hospital está abandonado cerca de 40 anos. Foi fundado em 1912 com o nome de Colônia do Hospital Estadual do Brooklin. Era do tipo "hospital-colônia agrícola" e tratou muitos enfermos de psicose e esquizofrenia. Mas sua história está rodeada de negligência, abusos, estupros e maus tratos com os pacientes. Esse prédio das imagens foi o único que restou do complexo e que hoje está abandonado - os demais 24 foram vendidos. Há até outros que ainda abrigam o hospital e possuem algumas centenas de pacientes.


















Fonte:


Enfermaria Real Derbyshire
Da Era Vitoriana  - construído em 1810 - e abandonado também naquela época, esse hospital foi reconstruído por causa de um surto de febre tifoide que ocorreu na Inglaterra em 1890. Se localiza no centro da cidade e funcionou até 2009, quando foi definitivamente fechado. O prédio ainda está repleto de equipamentos hospitalares e até brinquedos. O que o torna ainda mais sinistro.



















Fonte:


Vídeo:


Hospital em Chernobil
O fotógrafo Timm Suess registrou essas imagens fantásticas do hospital da cidade de Chernobil e, inclusive, ele tem no seu site um jornal só sobre o lugar abandonado desde o acidente nuclear, está aqui pra quem quiser ir direto. 
















Fonte:


Hospital São Edmundo, Northampton
Construído em 1836/7, foi um dos primeiros da geração de asilos da Nova Lei dos Pobres - na Inglaterra e Gales - projetado pelo arquiteto eminente vitoriano George Gilbert Scott e representa o momento da mudança de atitudes sociais em relação a provisão feita para os pobres e desamparados.



















Fonte:



Hospital São Gerardo, Warwickshire
Um hospital infantil. Essa foi a ideia que um padre católico teve ao construir esse lugar. Inicialmente voltado para acolher crianças órfãs e desamparadas, ele se tornou referência na Inglaterra no tratamento da tuberculose durante muito tempo - de 1913 a 1987. Fundado no final do século 19, o hospital foi fechado em 88.











Fonte:


Vídeo:


Asilo São João, Lincolnshire
Neste asilo - abandonado desde 1990 - os pacientes eram submetidos a intensos tratamentos de choque elétrico. A história era que os pacientes, depois do tratamento, geralmente se matavam nas celas - acolchoadas.
Construído em 1852, o asilo possuía seu próprio cemitério, para os pacientes que nunca conseguiram sair de lá. 


















Fonte:


Vídeo:


Postagem anterior:



Postagem atualizada em 29 de janeiro de 2013.

Estava vendo algumas explorações em hospitais psiquiátricos abandonados e resolvi atualizar esta postagem, a qual estava paradona faz tempos. Vamos lá! nada melhor que os vídeos para passar toda escuridão desses lugares carregados de energias fortes e perdidas.

















Exploração a lugares abandonados não é coisa para crianças.






Postagem anterior:
Os hospitais psquiátricos abandonados são realmente assustadores. Com a reforma psiquiátrica o sistema de tratamento clínico eliminou gradualmente a internação como forma de exclusão social e substituiu por redes de serviços territoriais de atenção psicossocial, que visa a integração da pessoa que sofre de transtornos mentais à comunidade. 
Histórias de maus tratos aos internos no antigo sistema são famosas, e tornam esses lugares ainda mais tenebrosos. São geralmente grandes construções, com vários andares, pois abrigavam estruturas completas de hospitais: cozinhas, lavanderias, salas de internações, porões, salas de estar, de tratamento, etc.


















































Fontes e links:

http://abandonados.net/old-changi-hospital/


http://www.flickr.com/photos/isaaceastgate/sets/72157607730502358/

http://www.opacity.us/site62_verden_psychiatric_hospital.htm

http://livemusicphotography.info/tag/ashmore-estates/

http://www.sxc.hu/photo/317658

http://www.arssubterranea.org/sanatorium/ghostcity.htm

http://untitledname.com/2005/12/seaview-mental-hospital

http://www.flickr.com/photos/tdlphoto/3265673676/

http://www.jpgmag.com/photos/96774

Vídeos de Hospitais Psiquiátricos abandonados:
















Sanatório NKVD em Kilosvodsk - Rússia
Cosntruído em 1933, o prédio é constituído por 3 corredores que se conectam, e possui 3 andares. Etsá localizado num local de floresta, o que dificulta sua visualização por inteiro.























































Link sobre o NKVD:


http://englishrussia.com/index.php/2010/10/23/nkvd-sanatorium/#more-20673

28 comentários:

  1. Esses hospitais psiquiatricos antigos pra min, são praticamente campos de concentração

    ResponderExcluir
  2. uau, adorei. Arrepio só de olhar.

    ResponderExcluir
  3. Que bom não existirem mais,dão arrepios.

    ResponderExcluir
  4. O problema era o sistema psiquiátrico desses hospitais. Aos pacientes eram destinados os maus tratos, privações. São lugares de energia muito pesada.

    ResponderExcluir
  5. o Hospital Changi tem ateh um filme, procurem por Hospital Changi e vao achar :)

    ResponderExcluir
  6. imagina isso a noite!!!!!!!!!!
    sinistro.

    ResponderExcluir
  7. eu já entrei num hospital abandonado que tem na minha cidade, a noite. é tenso hein!

    já faz 8 anos que ele está abandonado por descaso da administração municipal, mas hoje se encontra lacrado e ninguém mais tem acesso =(

    ResponderExcluir
  8. Adorei essa matéria. Estou querendo fazer uma matéria sobre hospitais abandonados também e estou pesquisando. Parabéns as fotos estão ótimas.

    ResponderExcluir
  9. oi,adorei essa materia sobre esses manicomios(eram como se chamavan os hospitais psquiatricos antigamente) eu acho esses lugares muito sinistros pois eu imagino as pessoas sofrendo tratamento de electro choque e seus cranios sendo perfurados com um parafuso so por causa da remota esperansa de curarem os ´´loucos``.
    existem mais dois manicomios abandonados ben sinistros o Cene hill e o whittin gham
    obrigado

    ResponderExcluir
  10. quem souber de lugares abandonados no rio grande do sul favor entrar em contato sgt.rad.fer@gmail.com

    ResponderExcluir
  11. Estou trabalhando em um jogo de terror e essas imagens serão uma ótima referencia para o cenário.

    ResponderExcluir
  12. Nossa, a foto que aquele cara tá em pé no meio do hospital me deu um susto tão grande que cheguei a pular da cadeira kkkk'

    ResponderExcluir
  13. EU NÃO SEI COMO SE PODE BRINCAR COM UM ASSUNTO TÃO SERIO E ABANDONADO IGUAL AOS LUGARES. RENATO VOCÊ TEM UMA SENSIBILIDADE FORA DE SERIE PARA TOCAR EM ASSUNTOS DE LUGARES QUE COSTUMEIRAMENTE NÃO PENSAMOS. COM TANTAS DOENÇAS ASSOLANDO, NÃO TEMOS MAIS EPIDEMIAS, MAS PANDEMIAS E NINGUÉM ESTÁ NEM AÍ. STRESS, MALES DA ALMA, AGORA OS VICIADOS, QUE PRECISAM DE AJUDA PSIQUIÁTRICA, OS DEPRIMIDOS CRÔNICOS, VÃO PARA ONDE SE MUITAS VEZES A FAMÍLIA NÃO OFERECE E NEM TEM CONDIÇÃO DE PROVER MEDICAMENTOS, QUE DESSA ÁREA SÃO TÃO CAROS.
    RENATO SEUS INSIGHT SAO MARAVILHOSOS, JÁ LHE DISSE ISSO EM OUTRO COMENTÁRIO.
    GOSTARIA DE SABER QUAL SERÁ OS DESTINOS DOS LOUCOS DO HOSPITAL ULISSES PERNAMBUCANO AQUI DO RECIFE. SÃO DE FAMÍLIAS TÃO CARENTES!
    É UM PRAZER COMENTAR NO TEU BLOG. VISITE O MEU SERÁ UM GRANDE PRAZER TAMBÉM. UM ABRAÇO RENATO. CLARA3AMORES

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! realmente me interesso bastante pela situação de lugares abandonados. Eles me fascinam. Diga, qual é o seu blog?

      Excluir
    2. http://clara3amores.blogspot.com.br/

      Excluir
    3. é um blog sobre música, já gostei. :D

      Excluir
  14. A DOR DA ALMA, QUE SÃO TODAS LIGADAS A MENTE, RAIOS X, ULTRASSONOGRAFIA,ESTETOSCÓPIO, RESSONÂNCIAS,NADA DETECTA OS PROBLEMAS MENTAIS. SINTO MUITA PENA PORQUE GERALMENTE SÃO DESAMADOS E INCOMPREENDIDOS ASSIM COM OS IDOSOS. UM ABRAÇO. CLARA3AMORES.

    ResponderExcluir
  15. É impressionante a quantidade de miasma que um lugar como esse pode conter.
    Eu realmente me interesso muito por coisas assim, eu tenho vontade de saber como eram as pessoas que passaram por ali, e quais ainda não conseguiram ir embora. Obrigada por postar. Abraços. Caroline V.

    ResponderExcluir
  16. Impressionante!!!
    Pessoas que nem sabia quais males haviam em suas mentes, eram submetidas a tratamentos monstruosos. Quanto sofrimento foi infringido em inocentes que nem sabiam por que faziam isto com eles. Realmente o lugar passa uma energia muito pesada e suas salas abandonadas e reviradas causam aflição. Cada imagem da para imaginar as pessoas vagando pelos corredores, trancados nos quartos, sofrendo tratamentos ou apenas olhando vagamente pela janela. É triste. As imagens são fortes e tem sua beleza macabra. PARABÉNS por esta matéria.
    ....Déb....

    ResponderExcluir
  17. procurem saber do holocausto brasileiro, um hospital pisiquiatrico onde morream mais de 60 mil pessoas, seus corpos eram vendidos ou cozidos com gasolina na frente dos outros internos para retirar os ossos e venda dos mesmos

    ResponderExcluir
  18. Anonimo eu quero ler o livro sobre esse hospital... e lembrando que isso rendeu a primeira condenação do Brasil na CIDH, no caso Ximenes Lopes. Pessoas com um pouco de altruismo e sensibilidade, pesquisem sobre o caso no Google, a CIDH disponibiliza todo o processo; é muito triste e vergonhoso.
    Os exploradores urbanos tem alguma "carteirinha' ,algo que os identifique? Acho lindo o trabalho, e eu queria fazer, é algo maravilhoso, pois quem faz geralmente é sensível, quer resgatar vidas, histórias e passados. E faz com muito respeito e humanidade, pela regra do "não levar nada e não deixar nada além de pegadas". Gostaria que os governos autorizassem o trabalho, porque acaba sendo um resgate da memória!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se voce perceber, os governos brasileiros nao tem a pratica de preservar ``memorias``, a nao ser as coisas que lhe convem...... ex. Presidio da Ilha Grande ( Implodido pelo entao governador do Rio de Janeiro Sr. Leonel Brizola), Palacio Monroe ( Centro do Rio de Janeiro ), demolido para dar lugar a um estacionamento, e tantos outros que nao me lembro no momento.

      Excluir
  19. Sinistro! O que o ser humano mais sabe fazer eh infiglir dor e terror...

    ResponderExcluir
  20. Não poderia passar por aqui,sem dizer que adorei tudo que vi,gostei muito do assunto do casarão do Othon Bezerra de Melo em Recife,minha mãe trabalhou nessa fábrica de tecidos quando jovem,e ficou encantada com o que fui falando pra ela aqui do meu lado,e disse ainda que lembra desse Casarão...muito lindo seu blog!!

    ResponderExcluir
  21. Gostei muito do site. É bem interessante olhar as fotos e ficar pensando sobre tudo o que pode ter se passado por ali. Ainda, queria poder fazer algo parecido em minha cidade. Aqui tem uma grande fábrica têxtil construída no final do século 19 que está abandonada. Como pensam em derruba-la e criar um novo bairro, tiraram algumas fotos mostrando que ainda há muita história por lá. As máquinas continuam lá, assim como quadros que marcam conquistas da fábrica, armários e até uma enorme quantidade de lã jogada no chão. As fotos também marcam a forma das construções da época: portas gigantes, escadas com detalhes... Porém, já tiraram essas fotos a algum tempo, e não sei se deixaram a fábrica intacta ou já mexeram lá dentro. Não tem como entrar para ver. Parabéns pelo teu trabalho. :)

    ResponderExcluir

TOP 10 - POSTAGENS MAIS POPULARES DO MÊS

Loading...

Notícias

Loading...