quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Bunkers militares abandonados




Postagem atualizada em 11 de setembro de 2013

Olá, gente!
Recebi um material de um leitor que morou na Holanda e fotografou esse bunker que fazia parte da defesa holandesa da "Muralha do Atlântico", uma gigantesca barreira de defesa alemã da Segunda Guerra, que se estendia desde a fronteira com a Espanha até a Noruega.
É a entrada de um túnel de 22 km que vai de Hoek van Holand até Haia. Segundo nosso leitor, ele encontra-se fortemente fechado mas os vídeos que encontrei mostram que nem tanto assim. :D Sorte de quem tem coragem de entrar. É claustrofóbico aos extremos.













Fonte:


Vídeos:











Postagem anterior:
Postagem atualizada em 06 de maio de 2013.


Encontrei uma série de imagens de bunkers fantástica e gostaria de mostrar para vocês Todas de autoria de Jonathan Andrew e com uma peculiaridade: foram produzidas de noite - o que incrementa a atmosfera apocalíptica das cenas captadas. São bunkers da Segunda Guerra Mundial. Parabéns ao autor! o trabalho ficou perfeito..





















Fonte da pesquisa:

http://www.jonathanandrewphotography.com/#mi=2&pt=1&pi=10000&s=20&p=2&a=0&at=0

Postagem anterior:
Postagem atualizada em 03 de janeiro de 2013
No litoral noroeste da França, em Wissant, bunkers alemães da Segunda Guerra ainda jazem nas areias da praia. Pouco a pouco são engolidos por elas. O explorador Nate nos mostra isso e muitas outras explorações em seu site, o http://www.yomadic.com/. Excelente dica!













Fonte:
http://www.yomadic.com/wissant-france/

Postagem anterior:
Bunkers são fortificações miltares geralmente semi-enterradas ou totalmente no subsolo, cuja função é proteger pessoas contra bombas e outros tipos de ataques. Foram usados em grande escala na Primeira e Segunda Guerra Mundial e durante a Guerra Fria como centros de controle e comando, e como depósitos de armas.
Bunkers podem ser dos seguintes tipos:
Tipo Trincheira: este tipo de bunker é uma pequena estrutura de concreto, parcialmente escavado no chão, que é geralmente uma parte de um sistema de trincheiras. Esses bunkers dão aos soldados uma maior proteção do que a vala aberta e incluem também uma excelente proteção contra ataques aéreos (granadas, morteiros). Eles também fornecem abrigo contra o tempo. O "bunker frente" de um sistema de trincheiras normalmente inclui metralhadoras e morteiros e um posto de tiro. As bancas de retaguarda são geralmente utilizados como postos de comando ou Centros de Operações Táticas (TOCs), para armazenamento e como hospitais de campanha para atender aos soldados feridos;

Tipo Pillbox: são postos postos de guarda, normalmente equipados com furos através dos quais se colocam as armas de fogo. Feitos de concreto, também são conhecidos como "casamatas". O nome surgiu originalmente de sua similaridade percebida nas caixas cilíndricas em que os comprimidos eram vendidos. Eles são, de fato, trincheiras reforçadas para proteger contra o fogo, de armas pequenas, granadas e, criados para melhorar o domínio do fogo .Casamatas são muitas vezes camufladas, a fim de esconder sua localização e para maximizar o elemento surpresa. Eles podem ser parte de um sistema de valas, formam uma linha de bloqueio da defesa com outras casamatas, fornecendo fogo de cobertura (defesa em profundidade), ou podem ser colocados para proteger estruturas estratégicas, como pontes e pontões;

Tipo Artilharia: muitas instalações de artilharia, especialmente de artilharia naval têm sido historicamente protegidos por sistemas de bunkers. Nestes, geralmente, são alojados as tripulações,as armas, as munições, contra o fogo e contra bateria aérea e, em inúmeros exemplos também, protegendo os próprios canhões. Bunkers de artilharia são alguns dos maiores bunkers individuais pré-Guerra Fria. As paredes da instalação do "Batterie Todt" no norte da França foram de até 3,5 m de espessura, e um bunker subterrâneo foi construído para abrigar canhões V-3;

Tipo Industrial: bankers industriais incluem sítios de mineração, áreas de armazenagem de alimentos, depósitos de materiais, armazenamento de dados e, por vezes alojamento. Eles foram construídos principalmente por nações como a Alemanha, durante a Segunda Guerra Mundial, para proteger as indústrias importantes do bombardeio aéreo. Bunkers industriais também são construídos para salas de controle de atividades perigosas, por exemplo, testes de motores de foguetes ou experiências explosivas. Eles também são construídos a fim de realizar experiências perigosas ou para armazenar produtos radioativos ou explosivos. Esses bunkers também existem em instalações não militares.


Fort Tilden, Rockaway Beach Blvd, Staten Island - NY
Cosntruído em 1917, pelo exército americano, o Fort Tilden, também conhecido como Forte Tilden Historic District, é uma instalação do Exército no bairro Queens, em Nova York e faz parte da Gateway National Recreation Area. Ele está localizado na península Rockaway entre Jacob Riis Park e o Breezy Point de leste a oeste.
Fort Tilden hoje é uma grande área natural de praia, dunas e floresta marítima. A maior parte das antigas instalações militares estão abandonadas, apesar de alguns edifícios terem sido reestaurados e, atualmente, são usados por grupos artísticos locais. O topo de uma das baterias velhas, bateria Harris Oriente, é uma plataforma de observação com vistas de 360 graus, que envolvem a cidade, porto de Nova York e do Oceano Atlântico. A área é popular entre os observadores de aves e outros amantes da natureza e é amplamente utilizada para a pesca. Seus caminos e trilhas são um convite imperdível para trilheiros e mountain bikers.


















A vista de NY de um dos pontos de observação do complexo.







Alguns links sobre o assunto:

http://en.wikipedia.org/wiki/Fort_Tilden

http://www.urbanghostsmedia.com/2010/06/fort-tilden-new-yorks-abandoned-military-base/#

http://en.wikipedia.org/wiki/Bunker#Industrial

Alguns vídeos sobre o local:

http://www.youtube.com/watch?v=Yj0cjcYoD2I

http://www.youtube.com/watch?v=NpawCZK8ryM

http://www.youtube.com/watch?v=7egO9GHUNkE

http://www.youtube.com/watch?v=PVisDVhoMMI

http://www.youtube.com/watch?v=PN5MMjxZyJ0

http://www.youtube.com/watch?v=kkozaPGU_Y4


Cap Blanc Nez - França


Localizado a 10 km da cidade de Calais, no norte da França, este lugar abriga bunkers do tipo pillbox originários da Segunda Guerra Mundial e serviam para observar e impedir navegação alemã, principalmente de submarinos, pelo canal inglês, em direção ao Atlântico. Ainda se encontram crateras de bombas, com mais de 50 anos, no local. Do local, em dias claros,  se observa claramente as falésias do lado inglês, as planícies de Flandres e, ao leste, as colinas de Bolonha.
No topo do Cabo, há um monumento em forma de obelisco em homenagem à Patrulha de Dover, ao sacrifício de soldados franceses e britânicos que defendiam as águas do Estreito de Dover, um ponto altamente estratégico durante as duas grandes guerras mundiais.











Alguns links sobre os bunkers:


http://fr.wikipedia.org/wiki/Cap_Blanc-Nez


http://www.panoramio.com/photo/2737282

http://www.panoramio.com/photo/2737330

http://www.panoramio.com/photo/2737282

http://wikimapia.org/868441/Obelisk-of-Dover-Patrol

http://www.advrider.com/forums/showthread.php?t=347556&page=6

Alguns vídeos:

http://www.youtube.com/watch?v=Wr-iuacb2FA

http://www.youtube.com/watch?v=9AeeRw3c1kA&feature=related


Bunkers alemães em Cap Ferret - França


Cap Ferret é uma porção fina de terra no sul da França. Pertence à comuna de Lège-Cap Ferret no departamento francês de Gironde. Quando da invasão alemã na França, esses bunkers foram construídos por prisioneiros. Estão sendo, pouco a pouco engolidos pelo mar, e a população de Cap Ferret se divide entre os que não querem as casamatas, que defendem que elas se desfazem, se tornando cada vez mais perigosas aos banhistas, e os que querem e acham que são peças históricas e devem ser deixadas onde estão. Os bunkers fazem parte de um conjunto maior que se espalha pela praia.


















Links sobre os bubkers de Cap Ferret:

http://france-for-visitors.com/photo-gallery/south-west/cap-ferret-blockhaus.html

http://www.ekosystem.org/photo/7812

http://www.lecapferret.net/2006/06/la_polmique_des.html

http://www.ekosystem.org/photo/924303

http://wikimapia.org/13801633/fr/blockhaus-du-Cap-Ferret

http://www.cestenfrance.net/art/D%C3%A9fense_allemande_du_Bassin_d'Arcachon

http://www.villes-en-france.fr/vue-photo-satellite-cap-ferret-33970.html

http://www.villes-en-france.fr/villes/photos/ville-cap-ferret-33970/4.html

http://www.panoramio.com/photo/2583695

http://wiki.worldflicks.org/cap-ferret.html#coords=(44.63079483051818,-1.2498664855957031)&z=14

http://en.wikipedia.org/wiki/Cap_Ferret

Vídeos sobre Cap-Ferret:

http://www.youtube.com/watch?v=GzRd-3A4W1A

http://www.youtube.com/watch?v=fbxb7itM2SI

http://www.youtube.com/watch?v=GzRd-3A4W1A&playnext=1&list=PL17585823DFA4C79D&index=8


Baterias Antiaéreas de Turó de la Rovira - Barcelona

Turó de la Rovira é um dos pontos mais altos de Barcelona e, com seus 262m de altura, abriga bunkers que serviram de bateria antiaérea, de 1937, na guerra civil espanhola. Pena que há poucas fotos dos bunkers em si, mas também é de se esperar, pois de lá há uma vista incrível de Barcelona. Pode-se dar um giro de 360 graus e visualizar completamente a cidade. Não dá pra concorrer.
Abandonados desde 1992, os escombros ganharam um projeto para transformar as  sete principais baterias, em Centro Interpretativo da Guerra Civil.













Links sobre Turó e as baterias:

http://www.lomography.es/magazine/locations/2009/12/30/bateria-antiaerea-del-turo-de-la-rovira

http://commondatastorage.googleapis.com/static.panoramio.com/photos/original/27014220.jpg
http://terranoticias.terra.es/cultura/articulo/turo-rovira-guerra-civil-2635452.htm

http://www.europapress.es/catalunya/noticia-bateria-antiaerea-turo-rovira-mostrara-2011-pasado-militar-barraquismo-20100511154330.html

Vídeos sobre o local:

http://www.youtube.com/watch?v=F7jhs44-n0I

http://www.youtube.com/watch?v=EpN9PDB1PUo

http://www.youtube.com/watch?v=ZriS1grVuuA
http://www.youtube.com/watch?v=veO4y-2DARc


Bunker em Bernada, Rússia
Esse bunker faz parte de um forte na vila de Bernada, ao sul de Brest. O forte era um refúgio a ataques de guerra, construído entre os anos de 1912/15. Depois da Grande Guerra Patriótica, o local foi tranformado em um grande depósito de lixo, e teve suas entradas vedadas. Dentro do bunker, há no ar, alto teor de amoníacos tóxicos.

Esquema dos túneis do forte.















































Link:

http://englishrussia.com/index.php/2010/09/29/open-your-eyes-and-look/

Um comentário:

  1. Minhas congratulações pelo material bem vasto e rico.
    Kleber Auad.

    ResponderExcluir

TOP 10 - POSTAGENS MAIS POPULARES DO MÊS