sexta-feira, 29 de abril de 2011

Monumentos da antiga Iugoslávia.

O antigo presidente da extinta Iugoslávia Josip Broz Tito, entre 1960 e 1970, ergueu monumentos gigantes em memória das batalhas travadas na Segunda Guerra Mundial e em locais que foram campos de concentração. Esses monumentos foram concebidos por diferentes escultores e arquitetos, e transportados aos seus devidos locais. O impacto visual das obras servia para afirmar a confiança na República Socialista e, nos anos 80, os monumentos atraiam milhôes de visitantes por ano, sobretudo jovens pioneiros, ávidos pela sua "educação patriótica". Depois da dissolução da República Iugoslava, no início dos anos 90, esses locais deixaram de ser frequentados, ficando espalhados pelas atuais Bósnia e Herzegovina, Sérvia, Montenegro, Eslovênia e Croácia, e seus significados perdidos para sempre.
O fotógrafo Jan Kempenaers visitou a região da ex  Iugoslávia de 2006 a 2009, e com a ajuda de um mapa de 1975, registrou em suas lentes, cada um dos monumentos, no total de 25. Imagens melancólicas e impressionantes de monumentos que, me parecem, hoje existirem apenas como esculturas, sem qualquer significado simbólico. As primeiras fotos de cada monumento, fazem parte do livro do fotógrafo Jan Kempenaers, http://www.jankempenaers.info/. Estou procurando mais fotos de cada um deles e, de acordo com o resultado, irei postando as novas. 

Tjentište















Fontes:








Niš










Fonte:





Podgarić


Petrova Gora


Kosmaj


Kruševo


Kozara


Grmeč


Ilirska Bistrica


Jasenovac


Sanski Most


Košute


Korenica


Knin


Makljen


Kolašin


Kadinjača


Mitrovica


Brezovica


Ostra


Sisak


Nikšić


Sinj


Zenica

Fonte:

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Universidade Técnica de Ciências - Bélgica

Uma universidade inteira abandonada. Esta é a dica de uma galera altamente profissional, exploradores urbanos, que montaram um site, o http://www.urbanadventures.eu/, o qual já dei a dica aqui no blog, mas sempre estou trazendo coisas de lá, pra mostrar aqui. Um site que mostra as explorações dessa turma pela Europa. Castelos, fábricas, casas e mais: links sobre o assunto, vídeos... vai ver.

A Universidade Técnica de Ciências exclarece bem a diferença de sensação entre observar um cenário abandonado coletivo e um particular. Comparado a uma casa que, por exemplo, possui uma energia e significado completamente diferentes, a Universidade ficou mais friamente abandonada. Não se vivia lá, se estudava, se passava por lá. Foi um lugar, sem ter sido um lugar de vivência permanente, como numa casa. Sensacional! parabéns galera do http://www.urbanadventures.eu/.














































































TOP 10 - POSTAGENS MAIS POPULARES DO MÊS