domingo, 2 de fevereiro de 2014

As igrejas abandonadas na Rússia

Postagem atualizada em 02 de fevereiro de 2014.

Olá, gente boa!
Estou voltando nessa postagem tão interessante trazendo muitas novidades.
Várias outras igrejas em uma varredura fantástica feita por exploradores russo nos revelam a riqueza dessa cultura e seus templos religiosos. São muitas mesmo e vocês irão ficar pasmos com tamanha riqueza e arte se deteriorando e sumindo no tempo. Com elas suas histórias também se vão e, pouco a pouco, não terá nem mais elas nem quem conte suas histórias. Chega a dar um desespero em ver isso se acabando. Grato aos urbexers russos que foram lá e captaram os últimos suspiros das igrejas desse povo tão fascinante.

Um pouco da história dessas igrejas: durante o século XVIII, a Rússia foi marcada pelo estabelecimento e pelo desenvolvimento do absolutismo, pelo poder da nobreza e, sobretudo, pelo caráter forte dos governantes, que contribuíram para o reforço político-econômico e a abertura do país para a Europa. Foi o momento em que ocorre a ruptura de relações milenares com as tradições bizantinas, e interrompe brutalmente o desenvolvimento da arquitetura moscovita marcando o início das relações com os países do Ocidente.
O poder que a tradição bizantina exerceu durantes séculos na Rússia fez que sua história arquitetônica não apresentasse os movimentos gótico e renascentista. A essa aproximação com a Europa contribuiu para que uma nova arquitetura russa se desenvolvesse, apresentando edificações inspiradas nos estilos e modelos europeus, vigentes na época, como o barroco, o rococó e o classicismo. O resultado, no entanto, é o aparecimento de uma arquitetura particular na qual se mesclam harmoniosamente elementos da cultura ocidental e russa. São a maioria dos exemplos das igrejas desta postagem.
Vamos ver as igrejas por regiões, pois o assunto é longo mesmo.

Gasimov
Nessa região duas igrejas do século 18 se destacam na paisagem. Detalhe para seu interior ainda com o madeiramento original em carvalho e os murais, belíssimos.



















  








Fontes:

http://deni-spiri.livejournal.com/25604.html

http://www.mackenzie.br/dhtm/seer/index.php/cpgau/article/view/Mascarenhas.2011.2/588

Gorodetsky
Lindo exemplar da arquitetura de madeira nas igrejas russas. O estado atual é impactante, pois contrasta com a beleza de outrora, presente no rico acabamento, pinturas, na própria arquitetura.





















Fonte:

http://deni-spiri.livejournal.com/27780.html

Kostroma



























Fonte:

http://deni-spiri.livejournal.com/27780.html

Lipetsk

















 


Fontes:

http://englishrussia.com/2013/07/03/abandoned-religious-and-cultural-heritage/

http://deni-spiri.livejournal.com/24395.html

Nekouz






















































Fonte:

http://deni-spiri.livejournal.com/29850.html

Região entre Novgorod e Leningrado












































Fonte:

http://englishrussia.com/2013/08/08/churches-on-the-marshes/

Ryazan




























Fonte:

http://deni-spiri.livejournal.com/25974.html

Suzdal








































Fonte:

http://deni-spiri.livejournal.com/34495.html

Tver

























































































Fontes:

http://englishrussia.com/2013/11/27/lonely-church-in-the-cover-of-the-night/

http://frantsouzov.livejournal.com/100594.html

http://deni-spiri.livejournal.com/31742.html

http://deni-spiri.livejournal.com/27354.html

http://deni-spiri.livejournal.com/24266.html

Tversky




























Fonte:

http://deni-spiri.livejournal.com/28033.html

Vologda










































































Fontes:

http://deni-spiri.livejournal.com/35237.html

http://deni-spiri.livejournal.com/26666.html

Yaroslavl






























































Fontes:

http://frantsouzov.livejournal.com/

http://deni-spiri.livejournal.com/26457.html


Atualização anterior:



Como disse numas postagens anteriores, a Rússia é "o" lugar para se explorar lugares abandonados. A falência na nação juntamente com a decadência do comunismo causaram muitos abandonos. Tudo isso somado às guerras separatistas, aos regimes cruéis que assolaram aquela região por décadas e até ao clima severo no inverno, causaram o êxodo de pessoas de muitas cidades e vilas e mais, o próprio extermínio da população inteira desses lugares. Na pesquisa que gerou esse post, encontrei desde cidades fantasmas, algumas com belíssimas igrejas de madeira do tempo dos czares e muitos, mas muitos links de sites russos. Vou passá-los aqui no post e colocá-los na minha lista na página inicial do site. O interesse pela exploração urbana é tão grande na Rússia, que muitos dos links me levaram para fora dela, para outros países, muitos no oriente. Me fartei!
Começarei pelas igrejas, num outro post explorarei as cidades. Vamos lá!

Igreja de São Nicholas - Lipetsk
Discussões sobre o que era ortodoxo ou não na doutrina cristã levaram a igreja romana à ruptura e, em 1054, ela se dividiu em a Igreja Católica do Ocidente e a igreja Ortodoxa do Leste (Grécia, Rússia, muitas terras eslavas, Anatólia, Síria, Egito, entre outros).
As igrejas pesquisadas são ruínas de igrejas cristãs ortodoxas. A de Lipetsk está localizada na aldeia de Slobodka Lebedyansky distrito da região de Lipetsk. A aldeia foi fundada em 1771 e, em 1876, através de ofertas voluntárias e com o apoio de paroquianos da igreja, ela foi construída toda de pedra. Ela era dedicada a duas entidades da igreja católica: a principal, St. Nicholas, e a secundário - Natividade da Virgem.

Externamente, talvez a igreja não seja tão atraente, mas ao entrar nela, imediatamente percebe-se que é seu interior que está o encantamento: os afrescos sobreviventes, ou o que restou deles. São santos e anjos caídos nas mão dos que por lá passaram e deixaram suas marcas. É difícil entender como alguém é capaz de riscar uma pintura de 250 anos.
A igreja já foi utilizada como depósito por longos anos, e já teve sua estrutura de chão e paredes modificada de sua forma original por reformas pelas quais passou ao longo dos tempos. Mesmo assim ela continua bela, tanto em sua composição formal quanto em seu tesouro, que mesmo desgastado pelos dias, ainda brilha.
























Fontes:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Igreja_Ortodoxa

http://www.fresher.ru/2011/05/16/zabroshennye-cerkvi-i-freski-v-lipeckoj-oblasti/


Igreja de Nossa Senhora de Omen - Kuzminki
Kuzminki é uma aldeia conhecida desde a segunda metade do século XVII. Nos documentos de 1670 constavam como proprietários "Kuzminskaya Ledeneva Theodore e seus amigos." E em 1693, um latifundiário chamado Verderevsky junto com camponeses saquearam as vilas Slobodka, Medvedeva e Stolpnoy Kuzminok. Nos mapas impressos em 1994 o local aparece com a marca "desabitada"... Atualmente, a vila não mais existe oficialmente.
No entanto, é aqui, no campo quase puro, que fica a igreja de Nossa Senhora de "Omen", de 1822. Ela foi construída por Mrs. P.P. Koshelev e tem três tronos: o principal - para o sinal da Virgem, o segundo - para St. Profeta Elias e o terceiro - para St. Nicholas.
Infelizmente, o tempo e a falta de cuidados adequados estão enraizados. Um dos quatro pilares da fachada norte caiu, mas os restantes ainda sustentam uma grande parte do frontispício.
À época da consagração da Igreja, o próprio bispo veio, e foi realizada em 22 de maio, no dia do St.. Nikolai. Para os aldeões foi oferecido um almoço grátis, lenços e toalhas. A festa durou até de manhã.
A igreja foi cercada por um muro de tijolos (desmontado em 1940 para a construção de estábulos na fazenda coletiva). No território foram plantadas árvores, e mais tarde ele serviu de cemitério para o enterro de habitantes nobres da vila e de aldeias vizinhas. Durante sua construção, um sino foi pendurado elegantemente num total de cinco sinos. Cúpulas brilhantes e douradas ofuscavam de longe quem as via sob o sol.
















Fonte:

http://www.fresher.ru/2011/05/16/zabroshennye-cerkvi-i-freski-v-lipeckoj-oblasti/

Igrejas de madeira no Norte da Rússia
Uma postagem dentro de outra. Essa seleção nos mostra como essa região é fascinante. Tem uma calma e uma atmosfera especial. Essas igrejas possuem a arquitetura do norte, caracteristicamente de madeira. Talvez pelo fato do frio ser intenso, e a madeira ser um excelente isolante térmico. Algumas ainda são conservadas por dentro e os habitantes das vilas usam seus espaços internos para cultos. Lindo de ver, fiquei com vontade de conhecer a Rússia. País imenso de história rica e bela.













































































 Fonte:

http://www.fresher.ru/2010/04/19/derevyannye-cerkvi-severa-rossii/

Outro link sobre mais uma igreja abandonada na Rússia, bem diferente, no blog:

http://abandurbano.blogspot.com/:

http://abandurbano.blogspot.com/2011/07/igreja-abandonada-na-russia.html


Vídeos:









Nenhum comentário:

Postar um comentário

TOP 10 - POSTAGENS MAIS POPULARES DO MÊS