segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Volta à Piscina com Ondas do Parque da Cidade e os um milhão de acessos do Lugares Esquecidos



Postagem atualizada em 24 de novembro de 2014

Volta à Piscina com Ondas do Parque da Cidade de Brasília e os um milhão de acessos do Lugares Esquecidos
Olá, gente boa!
Um querido amigo veio me visitar recentemente e eu o levei ao Parque da Cidade para um passeio e acabamos na antiga Piscina com Ondas. Fizemos umas imagens bem interessantes e dá para acompanhar a evolução da decadência em três postagens dentro desta mesma. Já são três visitas à piscina e uma boa notícia é que o parque será restaurado brevemente e a piscina incluída, tudo fazendo parte de um planejamento maior de revitalização. É torcer para dar certo. 

Outro assunto que gostaria de comentar rapidamente é que estamos alcançando a marca de um milhão de acessos provavelmente amanhã. isso é sensacional!! quero muito agradecer à vocês, meus leitores queridos... sabiam que um pai já encontrou uma filha que não via desde criança através dos comentários de uma postagem? Verdade. Eu nunca pensei que o blog chegaria a isso tudo e nem que eu mesmo produziria material como explorador urbano, mas confesso que sempre fui, mesmo antes do blog. 
Um milhão!!!! do mundo inteiro! sou muito grato, muito.
Mas enquanto isso, na piscina...
































































 


 Atualização anterior:

Postagem atualizada em 06 de novembro de 2012.

Um leitor do blog, o Armando Fonseca me mando um material muito interessante sobre a piscina. São imagens de uma exploração na casa de máquinas e foi ele mesmo quem foi lá e registrou. Valeu Armando! vamos às fotos as quais são mais antigas que a exploração que eu fiz.





















Pequenos vídeos da visita feita pelo Armando que passam o ambiente de escuridão do local. Sinistro!





Postagem anterior sobre a piscina com ondas.


O Parque da Cidade de Brasília, ou, oficialmente, Parque Sarah Kubitschek, foi fundado em 1978. São 4,2 milhões de metros quadrados de inúmeras atrações e é a cara do brasiliense. Lá tem parque de diversões, pista de cart, quadras para vários jogos, floresta, lanchonetes, lago com pedalinho, pistas de cooper de 10km, pitsa de equitação, restaurantes, ... e uma piscina com ondas. Isso mesmo! Era o must da criançada nos anos 80, vários amigos meus frequentaram. Está fechada há mais de 15 anos, e no final ela já estava bastante descuidada e manutenções se tornavam essencial naquela época, mas isso não aconteceu e, hoje, ela está completamente abandonada. Nos áureos tempos a piscina possuia um mini complexo de infraestrutura por um preço relativamente acessível ás classes populares. havia banheiros com  vestiários e guarda volumes, lanchonete, áreas de estar onde se estendiam toalhas no chão e mesas com cadeiras. A piscina tinha um esquema de funcionar que era o seguinte: na entrada mais rasa, que vai gardativamente e suavemente afundando, havia jatos de água que saiam do chão ao alto em momentos randômicos, para molhar os banhistas; de cerca de 45 em 45 minutos soava uma sirene que avisava o ínicio da sessão "ondas", propriamente dita. Do outro lado, ficava a parte mais funda com os motores, protegidos por camadas de grades, para evitar que criancinhas inocentes virassem carpaccio, onde acontecia a geração das ondas. Elas começavam fracas e iam ficando ficando forte, o que fazia com que muito moleque desavisado levasse a famosa "soca", o mesmo que caldo, só que no azulejo duro. Pensa numa queda feia! mais ou menos isso.

A entrada não é permitida no local. A área é toda cercada e vigiada por guardinhas que ficam numa guarita. Qualquer aproximação pela frente da piscina, já é motivo para uma abordagem: "boa tarde, você está fazendo algum trabalho? - Não! só estou visitando o parque, mesmo!".

Quem foi criança em Brasília nos anos 80, vai morrer de saudade e de susto, ao ver como o descuido e o abandono tomaram conta de tudo.





































































Links interessantes sobre o Parque e a Piscina:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Parque_da_Cidade_Sarah_Kubitschek

http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL772723-5598,00.html

http://www.brasilia.df.gov.br/003/00301009.asp?ttCD_CHAVE=103499

Editorial de moda feito na Piscina de ondas, veja onde a molecada levava "soca" no azulejo:

http://amadores.blog.br/editorial-pre-sol/

24 comentários:

  1. O engraçado é que a postagem da Wikipédia dá a entender que o parque funciona normalmente, quando a piscina está abandonada a 15 anos.

    Só uma dúvida, apenas a piscina está parada ou o parque inteiro está assim?

    Muito boa a exploração e crítica também, porque este parque já deveria estar reformado. A verba destinada a isso simplesmente não foi repassada.

    ResponderExcluir
  2. Rapaz, aqui em Brasília as coisas são meio complicadas. Os 3 últimos governantes que passaram são ficha suja total. Então muita coisa ficou largada. O Parque foi uma delas. O Parque funciona normalmente, menos a Piscina, os pedalinhos e o bicicletário de aluguel para passeio, que está cheio de bikes.

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente é triste, hoe moro no rio mais passei a infância ai no parque da cidade, e ver a pscina de ondas assim....putz, que sujeira dos administradores do parque.....uma pena

    ResponderExcluir
  4. o canal era reformar essa piscina com ondas surfaveis,sonhar não custa nada.

    ResponderExcluir
  5. infelizmente a piscina foi fechada por falta de pagamento de impostos ( ela não era pública, assim como muitas coisas que funcionam no parque não são! ) muitos governadores tentaram ( só na promesa ) reabrir a piscina de ondas. Eu ia muito aos finais de semana lembro muito bem do local e já esperava esse resultado das fotos! Infelizmente precisa de muito mais que simples políticos para que ela volta-se a funcionar, precisaria de alguém corajoso pra bancar com tudo isso!

    ResponderExcluir
  6. É difícil de acreditar que a cidade sede do governo federal não disponha de verba para colocar a piscina de ondas em funcionamento!! Trata-se de descaso com os brasilienses e a piscina representava mais um diferencial na história de Brasília...

    ResponderExcluir
  7. Estive lá esta semana. O estado das coisas já está até pior. Nem guardinha tem mais, entrei tranquilamente pela grade. O abandono me trouxe muitas dúvidas, principalmente sobre a gestão da área, mas o comentário do amigo Anônimo aí de cima esclarece. Realmente achei estranho a gestão pública de um empreendimento desta natureza. Mas se era privado, fechou porque?, não dava lucro? É uma pena, parece que era muito divertido. Deixo o link para uma foto minha no Panoramio: www.panoramio.com/photo/69244649

    ResponderExcluir
  8. Meu amigo.. estou de volta aos comentários, embora passe de vez em quando aqui nesse seu blog maravilhoso.. Estive aí nesse Parque de Brasília, em 1988, com minha mulher e os três filhos. Eles se divertiram muito com a piscina de ondas, embora não tivessem tomado banho pois a água estava bem fria (era inverno -julho- e ficamos acampados no Camping de Brasília (setor Militar) onde a temperatura à noite baixava demais. Tenho inclusive filmes da piscina. Dois sobrinhos curtiram bastante as "ondas" e saíram de lá meios roxos de frio, hahaha. Uma pena que uma atração tão diferente, acho até que única no BRasil, tenha acabado de maneira tão lamentável. Coisas deste nosso pobre país sem memória (mas com muito político corrupto pra embolsar verbas de manutençao de obras públicas, né?).. Abração ! PS- Até hpoje estou lhe devendo algo do Engenho Monjope.. realmente não lembro se mandei as fotos e vídeos. MAs pretendo ainda posta-los no meu blog seteinstrumentos.com

    ResponderExcluir
  9. Que pena, hein Fred. Cheguei a ver el funcionando em 1991/1992 mas já estigmatizada de lugar de "povão", com a água não muito saudável, um misto de preconceito e maus tratos pela autoridades. Mas as ondas já não funcionavam.
    Um bom político investiria naquele lugar, mas como são bobos...

    ResponderExcluir
  10. Infelizmente acho que nenhum político se habilita a topar esse trabalho de reformar a piscina e colocar pra funcionar porque não deve ser tão "rendável" como esses shows faraônicos que acontecem na capital.

    ResponderExcluir
  11. é mesmo uma pena. moro em brasília e nos anos 80 que era o auge eu não tive oportunidade de conhece-la mas agora eu queria poder mostrar o local para os meus filhos mas também não é possível. uma pena mesmo.
    rui_bonifacio@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  12. Cara que saudades. Curti demais essa piscina com meus amigos. Olhando para essas fotos me deu um aperto no coração de ver como os nossos representantes não estão nem aí para a população.
    Lindo era esse parque.

    ResponderExcluir
  13. Sei que é uma postagem meio antiga, mas olha aí um vídeo da Piscina de Ondas atualmente... é um breve vídeo do mês de junho de 2013...

    http://www.youtube.com/watch?v=3pdAFNtyMQY

    ResponderExcluir
  14. A piscina de ondas, foi fechada por má administração da empresa gestora. Sonegação de impostos entre outros problemas causaram o fechamento desse local. Nunca foi de interesse público, melhor dizendo político, recortando ainda mais, do Sr. Joaquim Roriz (governador à época e outros tantos anos) a preservação de Brasilia e suas áreas. Criar cidades, ou melhor currais eleitorais, sempre foi o mote desses políticos. Brasilia está abandonada no geral desde a década de 90. As pessoas preferem não ver, os políticos insistem em dizer que não, mas a verdade é que Brasilia está em completo abandono. Basta olhar ao seu redor. Tivemos copa das confederações esse ano e apenas deram um tapa na zona central e nada mais. Vai lá ver a rodoviária central que já está suja e pichada. Fizeram uma pontezinha que está imunda (vai lá ver de perto a ponte JK) e uma nova torre de TV (que mais parece um aeroporto intergalático). mas vai la ver a velha torre, até placa de concreto andou caindo. E assim segue a cidade moderna, patrimônio cultural da humanidade pela UNESCO. E agora falam-se em fazer um memorial para Jânio Quadros e bem ao lado do memorial JK. Que importância esse Jânio teve para Brasilia, a não ser ter sido desposto aqui pelos militares? Juscelino com a cara e a coragem, contra tudo e todos, ergueu essa cidade, a tornou realidade. Fruto da sagacidade dele!!! Esse sim merece o memorial aqui!!! Fora isso segue a cidade linda que está suja e feia!!!! Triste mas real!!!!

    ResponderExcluir
  15. Caramba como doí ver tudo isto abandonado, afinal esta piscina fez parte da minha infância. Era um local de extrema alegrai e divertimento, mas os governantes que só pensam em roubar o povo abandonaram tudo isto. É lamentável e espero um dia ver um governo que tenha a coragem de fazer ele retornar

    ResponderExcluir
  16. Será que se levar energia casa de máquinas a piscina mesmo nesse estado funcionaria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, mecanicamente tudo é possível. Se não estiver faltando nada, provavelmente ao ligar teríamos alguns (muitos) vazamentos e problemas de vedação/lubrificação por causa do tempo em que ficaram sem atividade. Mas com a manutenção adequada e muita dedicação poderia voltar a funcionar sim. Abraço! Fábio.

      Excluir
  17. Procurei o parque pra saber como estava... Estive lá quando eu tinha 8 aninhos, e eu lembro, era fascinante pra uma criança!!! Ano que vem vou voltar a Brasília, depois de mais de 30 anos... Pena que não vou ver as piscina de ondas que o papai me levou pra conhecer!!! Que pena

    ResponderExcluir
  18. Bom dia Renato. Tenho um material para compartilhar com você e seu blog. Sou leitor assíduo e adoro o tema, tanto que me motivou a fazer esta que foi a minha primeira exploração. Te mandei um recado pelo Hangouts, se você puder informar um email para compartilharmos as fotos, terei prazer em colaborar. Abraços. Fábio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá fábio. vc poderia mandar para o e-mail renatopantoja0@gmail.com? obrigado.

      Excluir
  19. Olá, não conhecia o site e fui apresentada por um leitor do meu blog. Gostei muito das postagens. Eu e meu marido temos algum material sobre o tema e estamos postando aos poucos no http://rumosalternativos.blogspot.com.br/. Se puder dar uma divulgada, agradeço muito.

    ResponderExcluir
  20. Roubaram todos os equipamentos?cm assim? agr q n tem mais jeito,,,, ate 2 anos atras dava pra funcionar...

    ResponderExcluir
  21. É uma pena ver tanto descaso a um lugar tão importante na vida de muitos brasilienses ou simplesmente pessoas que amam Brasília. Quem conheceu a piscina de ondas jamais vai esquecer e vê-la assim dá revolta e também uma certa nostalgia por lembrar de tantos momentos que passamos no local. Cada passo dado e mostrado nas imagens do blog trazem lembranças adormecidas. Espero que um dia possam dar mais valor a piscina de ondas, pedalinhos e ao parque em si!

    ResponderExcluir

TOP 10 - POSTAGENS MAIS POPULARES DO MÊS